domingo, 21 de janeiro de 2018

RESENHA: H.P. Lovecraft - Medo Clássico - Volume 1

H.P. Lovecraft / Medo Clássico / Darkside Books
Sou da opinião que todo grande nome da literatura ganhou seu status por uma razão e que alguém que se declara amante de livros deveria tentar conhecer pelo menos uma obra de cada um desses autores, independente do gênero que escrevam. H.P. Lovecraft é um deles. Por isso, quando a Darkside nos enviou de surpresa um exemplar de sua coletânea de contos, eu não perdi tempo e tratei de descobrir porquê Lovecraft se tornou um dos maiores nomes da literatura de terror, inspirando grandes autores como Stephen King.

Confesso que o tipo de terror normalmente associado a Lovecraft não é o tipo que me atrai. Gosto sim de terror – e muito! -, mas prefiro o terror psicológico a um terror com monstros. Provavelmente por isso, o conto com o qual mais me identifiquei foi “O Depoimento de Randolph Carter” , uma breve história de 9 páginas na qual o personagem título é interrogado a respeito de uma noite em que acompanhava seu amigo Harley Warren em uma pesquisa em um cemitério. O cenário é clichê, claro, mas é preciso lembrar que o conto data de 1919 quando, em muitos aspectos, o gênero ainda engatinhava.

O que faz o conto funcionar é o medo palpável de Carter. Não sabemos o que aconteceu naquela noite (nem ele mesmo sabe), mas sua narrativa não deixa dúvidas que ele ainda está aterrorizado com seja lá o que for que eles tenham testemunhado. O conto não traz respostas e essa também é uma das razões pelas quais funciona, afinal, nada mais assustador do que o desconhecido.

Lovecraft é um desses autores que, assim como Poe, parece se preocupar mais em criar uma atmosfera do que em desenvolver histórias. Talvez por isso, o texto conte com uma grande quantidade de adjetivos, algo que não funcionou para mim em muitos momentos, pois me desconectava do que estava sendo narrado. Ainda assim, é inegável que as imagens que o autor cria deixam muito para a imaginação.

“Então, com um derradeiro e intolerável toque, senti aquela corrente de ar frio, tênue e insidiosa, fluindo de um local mais baixo, próximo ao centro do enorme monte. Instantaneamente, como antes, minhas visões se esvaíram, e então vi novamente apenas a maléfica luz do luar, o taciturno deserto e os túmulos de cantaria paleógena espalhados. Agora algo real e tangível, ainda que repleto de sugestões infinitas de um mistério notívago, me confrontava.” (LOVECRAFT, 2017, p. 338) 

O livro faz parte da Coleção Medo Clássico, lançada pela Darkside Books, e que já conta com nomes como Edgar Allan Poe e Mary Shelley. No prefácio desta edição, a editora fala sobre a importância do autor dentro do gênero, sobre o desprezo que seus textos sofreram na época em que Lovecraft era vivo, sobre o estilo do autor e ainda sobre alguns contos selecionados para este primeiro volume. Impossível não ficar morrendo de vontade de conferir o que vem a seguir. A edição conta ainda com reproduções de materiais originais (entre eles anotações do autor) e textos sobre as comparações entre Lovecraft e Poe e ainda sobre a influência de Lovecraft na cultura pop.

Título: H.P.Lovecraft – Medo Clássico Volume I
Autor: H.P. Lovecraft
N° de páginas: 384
Editora: Darkside Books
Exemplar cedido pela editora

Compre: Amazon
Gostou da resenha? Então compre o livro pelos links acima. Assim você ajuda o Além da Contracapa com uma pequena comissão.

20 comentários:

O Que Tem Na Nossa Estante disse...

Oi Mari, tudo bem? Eu ainda estou lendo os contos, é a primeira vez que tenho contato com o autor e estou gostando bastante <3

BJs, Mi

O que tem na nossa estante

Miriã Mikaely disse...

Oi, Mari.
Vi essa capa por aí mas não fazia muita ideia sobre o que era. Eu não gosto de livros de terror, infelizmente minhas experiências são poucas mas eu acho que leria a obra por serem contos, então é mais fácil entender e ler.
Beijos
http://www.suddenlythings.com/

Victor Nascimento disse...

Oi Mari! Tudo bem?

Amei a resenha, talvez lendo um outro livro de contos e retomando o contato eu volte aos costumes.

Grande abraço!
http://www.cafeidilico.com/

Sora Seishin disse...

Oi Mari!
Concordo com você que existem autores clássicos que todo mundo deve conhecer (nem que seja pra não gostar).
Li vários contos do Lovecraft há tempos, eles dão medo!

Beijos,
Sora | Meu Jardim de Livros

Nessa disse...

Oi Mari
Achei linda esta edição, e apesar de ler pouco do gênero eu curto este tipo de livro. Quero sim ler e conhecer estes contos.

Beijinhos
https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

Felipe disse...

Oi Mari,
Que presentão hein! Adorei a dica, já quero com certeza!
Blog Entrelinhas

Ludyanne Carvalho disse...

Eu não gosto de terror psicológico nem com monstros, eu gosto de dormir tranquilamente. Haha...
Mas sempre vejo ótimos comentários sobre Lovecraft, e achei a linda a edição para crianças.
Eu passo essa coleção Medo Clássico.

Beijos

Luiza Helena Vieira disse...

Oi, Mari!
Essa capa é linda demais! Eu não sou muito fã de cor de verde, mas essa está maravilhosa!
Nunca li nada do Lovecraft, apesar de já me indicarem bastante. Eu amo um terror psicológico, logo vou dar uma chance a esse livro.
Beijos
Balaio de Babados

Caroline Waschburger disse...

Oi, Mari! Tenho o "Medo Clássico" do Poe, e tô doida pra ler! Assim como você, sou grande fã de terror e principalmente terror psicológico. Esse conto que você citou me deixou morrendo de vontade de ler. Sério! Ah, e sobre o King e o Lovecraft, tem um livro onde o King fala muito sobre Lovecraft não saber desenvolver diálogos. Tenho muita curiosidade em ler para tirar minhas próprias conclusões a respeito.

Beijo!
www.controversos.com

Eliza Alvernaz disse...

Oi, Mari! Tudo certinho!?
Primeiro: que edição LINDA, hein!? Gosto muito de livros de terror/horror e sou louca nessa coleção. A começar pelo exemplar do Poe, de quem sou muito fã. Ainda não li esse mas sua resenha me deixou com cólicas de ansiedade!!! Quero MUITO!!!

Beijooos
http://www.aquelaepifania.com.br/

Clarissa Assis disse...

Achei linda a capa, mas acho que não leria um livro assim não hahaha se for terror também prefiro psicológico hahha

Beijos
Próxima Primavera

Alison de Jesus disse...

Olá, servindo de inspiração para King já podemos inferir que se trama de um autor de peso. Não conheço a escrita de Lovecraft, mas percebo que ele conduz suas narrativas com um terror poético, que usa dos sentimentos inerentes ao ser humano para causar as sensações psicológicas. Beijos.

RUDYNALVA disse...

Mari!
Quanto a edição, tenho certeza que deve mesmo ser impecável, como todos os livros que a DarkSide se propõe a lançar.
Pois é, o sucesso do Lovecraft está justamente na criação do clima de suspense ou de terror e sem esclarecimentos, deixando a mente do leitor vagar pelo inimaginável.
Desejo uma semana produtiva e abençoada!
“Bem aventurados os que mudam suas atitudes sem esperar um ano novo.” (Desconhecido)
cheirinhos
Rudy
1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

Ozzy Bertinelli disse...

Ola,
Eu ganhei esse livro de presente de aniversário de uma amiga (só que minha edição é aquela com a capa cinza), e surtei muito quando ganhei. Sempre tive muita vontade de ler algo dele, mas nunca tinha ido atrás por que ficava passando outros autores na frente, vou ler esse livro aos poucos, uns dois contos por mês, para encaixar no meio das leituras que pretendo fazer esse ano.
xoxo

Planeta 94

Entre histórias disse...

Oii Mari, eu sou apaixonada por terror, mas nunca li nada do autor, preciso ler algo pra ver o que vou achar, eu gosto tanto do terror psicológico quanto do terror envolvendo monstros então pode ser que me agrade.
-Beijos,Carol!
http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

Cláudio Cabral disse...

Oi Mari!
Gosto do terror mais psicológico também,mas acho que terror com monstros se tiver uma boa atmosfera pode funcionar bastante.
Comprei recentemente,vai ser o meu primeiro contato com Lovecraft,mas já estou mega ansioso pra ler,principalmente os contos mais famosos dele.
Beijos!

http://livreirocultural.blogspot.com.br/

Gabriela CZ disse...

Partilho da opinião de que devemos conferir pelo menos uma obra de cada grande nome da literatura, Mari. Ainda não li nada de Lovecraft e essa coletânea da DarkSide parece ser um bom começo. E com seus comentários sei melhor o que esperar. Ótima resenha.

Beijos,
Gabi

Carolina Santos disse...

Eu adorei essa edição dos Contos do lovecraft e vi que tinha duas capas disponíveis na Darkside uma que é toda preta e essa O que é mais legal é que essa capa verde com roxa um aplicativo que foi disponibilizado que quando é apontado a câmera dele para capa do livro Ela arma uma realidade virtual muito incrível

Ana I. J. Mercury disse...

Não conheço bem o Lovecraft, mas tenho um amigo que adora os livros dele, por isso, tô me preparando pra ler algum logo, logo kkkkkk
Gostei da sua resenha, deu pra ver que é um bom livro e bem escrito.
Ai nem preciso dizer o quanto a Darkside arrasou, né? Capa incrível!
bjsss

Marta Izabel disse...

Oi, Mari!!
Ainda não li nada do H.P. Lovecraft mas estou babando por essa edição maravilhosa recheada de contos de terror!!
Bjos

Postar um comentário

 

Além da Contracapa Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger