quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Porque todo livro do John Green é o melhor livro do John Green

Quando se trata de John Green, nós somos suspeitos. Desde a primeira leitura, nos apaixonamos pelo estilo do autor. A Culpa das Estrelas foi o primeiro e a ele se seguiram outros tantos, sempre nos proporcionando bons momentos. Tanto que eleger um favorito é tarefa difícil, já que cada um é especial a seu modo. Nesse post, vamos falar um pouquinho sobre porque acreditamos que cada livro do autor tem potencial para ser o seu favorito

É difícil acreditar que este tenha sido o primeiro livro de John. Não apenas porque nele já estão presentes todos os elementos que serão sua marca registrada, mas também pela profundidade escondida atrás de uma história vivida por adolescentes. A começar pela sua protagonista: Alasca. A menina está longe de ser uma personagem cativante e, em muitos momentos, nem mesmo gostamos dela. Na verdade, Alasca é um pesadelo. O tipo de amiga que ninguém gostaria de ter. Uma pessoa realmente difícil de conviver. E é justamente isso que faz dela uma personagem tão fascinante. Alasca é complexa e, mesmo depois da última página, não conseguimos ter certeza do que realmente se passa em sua cabeça. O que realmente importa é o impacto que ela tem na vida de Miles, o menino que nos conduz pela história. O mais tumultuado dos livros de John Green.  
Quando se trata de John Green, algumas coisas são certas. Você vai se deparar com momentos emotivos, com momentos reflexivos e com momentos hilários. Muitas vezes, todos ao mesmo tempo. É um tempero que só o John tem. Mas quando se trata de seu segundo livro, tenha a certeza que o sabor da comédia irá se sobressair. Verdade seja dita, a história de Colin, um gênio da matemática que sofre com o pé na bunda que levou da sua 13 Katherine, é possivelmente a menos marcante das histórias do autor, mas isso não significa que não seja um bom livro. Aqui temos um adolescente que não sabe o que quer da vida, um amigo sem noção que não tem medo de falar verdades, uma roadtrip, uma cidadezinha pequena, uma menina e muitas notas de rodapé sobre matemática e outras coisas. Uma mistura que resulta no mais engraçado dos livros de John Green. 

Cidades de Papel John GreenCidades de Papel

Este poderia ser apenas mais um young adult, com uma premissa já explorada muitas vezes: garoto nerd apaixonado pela vizinha popular. Mas John Green nunca se limita a fazer mais do mesmo e apesar do ponto de partida parecer batido, o autor criou uma estória extremamente profunda e verossímil. Tanto Quentin quanto Margo são ótimos personagens e a jornada deles faz o leitor repensar sobre diversos aspectos da vida e da sociedade. Além deste tom mais filosófico, é claro que o autor conseguiu mesclar momentos mais leves e descontraídos e que certamente arrancam gargalhadas. Apesar da narrativa contar com um ritmo um pouco mais lento,  este é o livro mais reflexivo de John Green

A culpa é das estrelas John GreenA Culpa é das Estrelas

Difícil falar em John Green e não pensar em A Culpa é das Estrela, seu livro mais famoso e que catapultou sua carreira. A estória da jovem Hazel, diagnosticada com câncer terminal, é uma montanha russa de emoções, nos fazendo rir em uma página para chorar logo em seguida. Apesar da temática pesada, em nenhum momento o autor apela para o sentimentalismo, tampouco tenta forçar lições de vida. Além dos personagens cativantes, a leitura é extremamente envolvente e intensa, contando com uma mistura de drama e romance que deixará você com o coração apertado. Não é por menos que consideramos A Culpa é das Estrelas o livro mais emocionante de John Green

Tartarugas até lá em baixo John Green   Tartarugas Até Lá Embaixo

O recém-lançado livro do autor conta a estória de Aza Holmes, uma garota de dezesseis anos que tem transtorno obsessivo-compulsivo. John Green, que também foi diagnosticado com TOC, fala com a experiência de quem vivenciou aquelas situações e assim consegue colocar o leitor na pele da protagonista. Por isso sentimos o mesmo aprisionamento que Aza sente quando sua mente é invadida por pensamentos que não são seus, os quais lhe atormentam de formas inimagináveis. Mostrando uma realidade extremamente difícil e que é desconhecida da maioria das pessoas, este é o livro mais conscientizador de John Green. 


17 comentários:

Nicole Longhi disse...

O meu favorito do autor é sem duvida Quem é você Alasca?!
Eu li o livro tão rápido de tão envolvida que fiquei.
Gostei bastante também de ACEDE, mas não tanto quanto o outro.
O título do post ficou ótimo, e adorei a forma como atribuíram as características perfeitas para cada livro do autor!

She is a Bookaholic

Luiza Helena Vieira disse...

Oi, Alê! Oi, Mari!
Desses, ainda não li o último do João Verde. O meu favorito dele é Cidades de Papel, o que muita gente não gostou...
Beijos
Balaio de Babados
Participe das promoções em andamento e ganhe prêmios maravilhosos

Nessa disse...

Oie
Eu li somente A culpa é das estrelas e não curti muito e agora eu li o novo livro e eu ameiii. Tenho muita curiosidade em ler Que é você alasca?

Beijinhos
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

Vivian San Juan disse...

Olá! Então... eu não sou muito fã das histórias de John Green, mas acho que daria um crédito para esse novo livro dele por abordar o TOC. Achei interessante.

Beijos

Vivian

Saleta de Leitura

Raquel disse...

Eu amooo John Green e nem tava sabendo desse último, já estava carente deleeee! Eu, pra contrariar, adoro o Deixe a Neve Cair, que tem histórias de outros autores, acho o livro tããão abraço no coração ahahah mas desses acho que meu favorito é o da Alasca, fico pensando nela e em tudo que aconteceu... amo ele <3

Bom fim de semana!
tipsnconfessions.blogspot.com

Cláudio Cabral disse...

Oi!
Acho que sou um dos poucos que apesar de ser fã do John,tive um sentimento diferente para cada livro.
Amei Quem É Você Alaska,odiei O Teorema Katherine,gostei de Cidades de Papel e achei A Culpa é Das Estrelas um livro ok.Vamos ver agora com Tartarugas Até Lá Embaixo kkkkkkkk
Abraços!

http://livreirocultural.blogspot.com.br/

Mi Tavares disse...

Olá! Tudo bom?
Eu li 3 livos dele, mas não consigo gostar. Reconheço que são leituras rápidas e leves, mas sinto os personagens bem repetitivos.
Beijos.
5 O'clock Tea

Naiara Fidelis Da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Naiara Fidelis Da Silva disse...

Não li todos os livros do autor, mas confesso que é meta da minha vida ler todos ano que vem, só está faltando Quem é você Alasca, Will e Will, Deixe a Neve Cair e o último, que é o que eu estou com mais vontade de ler rsrs.

O Que Tem Na Nossa Estante disse...

Oi pessoal, tudo bem? Infelizmente preciso confessar que o Green não um dos meus atores preferidos heheheeh mas acontece rs Em todo caso estou com muita vontade de ler o último livro dele, quem sabe ele ganha meu coração, né?

Bjs, Mi

O que tem na nossa estante

RUDYNALVA disse...

Alê e Mari!
Li apenas Cidades de papel dele e assisti o filme A culpa é das estrelas, mas desejo ler todos os livros dele, pois como falaram, cada um é melhor que o outro e esse Tartarugas até lá embaixo está aguçando minha curiosidade por falar sobre TOC.
Desejo uma semana carregadinho de luz e paz!
“ Inteligência não é não cometer erros, mas saber resolvê-los rapidamente.” (Bertolt Brecht)
cheirinhos
Rudy
TOP COMENTARISTA novembro 3 livros, 3 ganhadores, participem!

Carolina Santos disse...

Nunca consegui terminar de ler o Teorema Katherine. Acho a leitura lenta, tediosa e um tanto quanto vaga mas sou louca em Tartarugas ate la em baixo

Mari Zavisch disse...

Oi, Alê e Mari!
John Green pra mim é relação de amor e ódio, dependendo do livro.
Eu amo Quem é Você, Alasca? e não gostei quase nada de O Teorema Katherine.
Por isso, acho que esse é um autor que precisamos ler seus livros e não levar muito em consideração a opinião dos outros, porque com ele não dá pra confiar hahahaha
Quero muito ler Tartarugas até lá embaixo e espero poder fazer isso em breve!
Beijinhos,

Galáxia dos Desejos

Amanda Barreiro disse...

Olá. Nunca li nenhum livro do John Green, tenho a impressão de que não vou gostar porque não é meu estilo mesmo. Conheço todos de nome e principalmente A Culpa é das Estrelas porque muitas pessoas que conheço já leram e me contaram. Não me sinto atraída pelos temas que ele aborda, mas acredito que deve ter algum motivo pra ele ser tão querido pelos fãs. =)
Beijos.

Marta Izabel disse...

Oi, Alê e Mari!!
Gostei muito conhecer os livros de John Green, nunca li nada dele só assisti as adaptações cinematográficas. Mas tenho muita vontade de ler A Culpa é das Estrelas.
Bjoss

Ana I. J. Mercury disse...

Que post fofo e lindo!
Vou até compartilhar no face!
Adorei.
Amo os livros do John, principalmente A Culpa é das estrelas e O Teorema Katherine.
Tartarugas até lá embaixo ainda lerei!
bjs

Gabriela CZ disse...

Realmente não há ninguém como John Green, Mari e Alê. Me falta ler exatamente o primeiro e o último (além de Will e Will), falta que pretendo corrigir logo. De fato é muito difícil eleger um favorito. Ótimas observações.

Beijos!

Postar um comentário

 

Além da Contracapa Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger