quinta-feira, 27 de setembro de 2012

RESENHA: Feche bem os olhos

“Não havia ninguém para culpar. Ninguém para salvá-lo. Suas decisões o haviam levado àquele lugar, que era o mais perigoso em que já estivera em toda a sua vida. Aquele lugar estreito, oscilando à beira do inferno.” (VERDON, 2012, pg.414)

No ano passado, quando terminei a leitura de “Eu sei o que você está pensando”, primeiro livro de John Verdon, fiquei na expectativa de ver o que o autor novato criaria para seus próximos livros, pois sua estreia havia sido excelente. Quando a Editora Arqueiro lançou “Feche bem os olhos”, segundo livro do autor, eu mal podia esperar para ver se a minha expectativa seria correspondida. Dessa vez, ao terminar a leitura, pude afirmar que Verdon é sim um nome para constar na biblioteca dos fãs de suspense policial. “Feche bem os olhos” é tão bom quanto, se não até melhor, do que o já muito bom “Eu sei o que você está pensando”.

Quase um ano após o caso Mellery, o detetive aposentado David Gurney está vivendo no campo, ao lado de sua esposa Madeleine, quando é contratado como consultor por uma mãe para ajudar solucionar o assassinato de sua filha. O crime fora mais do que brutal: no dia de seu casamento, a jovem tivera sua cabeça decepada e seu corpo posicionado de maneira curiosa. O suspeito do crime, um jardineiro mexicano, sumiu sem deixar rastro e vestígios incompreensíveis foram deixados para trás. Gurney aceita o desafio de resolver mais esse enigma e quanto mais descobre sobre o caso, a vítima e as pessoas que a cercavam, mais terrível tudo se revela.

A trama do livro foi muito bem criada e executada. Verdon conseguiu fazer um crime inicialmente intrigante ficar cada vez mais intrigante e confuso, além de adquirir proporções incrivelmente perversas. Com exceção de Gurney, é muito difícil simpatizar com a maioria desses personagens, mas é muito fácil se deixar fisgar pelos seus mistérios.

Grande parte dos personagens de “Eu sei o que você está pensando” está de volta em “Feche bem os olhos”. Kline, Rodriguez, Hardwick, todos reprisam seus papéis no segundo livro do autor, mas quem brilha mesmo, lógico, é David Gurney. Longe de ser um daqueles super-detives como Sherlock Holmes e Hercule Poirot, Gurney é um cara normal, mas muito inteligente e atento aos detalhes. Era excelente como detetive justamente por reparar em coisas que os outros deixavam passar e por não sossegar até que todas as peças dos quebra-cabeças estivessem perfeitamente encaixadas. Em “Feche bem os olhos” fica claro que ser detetive é mais do que a antiga profissão de Gurney e sim parte do que ele é como pessoa – e de seus conflitos com Madeleine. A relação do casal é uma espécie de folga do caso que o autor dá para o leitor e contribui para dar um toque a mais de realismo ao livro, embora na maioria das vezes Madeleine seja extremamente irritante.

“Feche bem os olhos” tem bom ritmo, boa trama e bons personagens - cada um com suas personalidades bem definidas. Acho que o único erro do autor foram suas constantes referencias ao caso Mellery, ou seja, a trama de seu livro anterior. Mesmo que não haja spoilers do que acontece em “Eu sei o que você está pensando” tantas menções ao caso são chatas e desnecessárias e me incomodaram da mesma maneira como me incomodam nos livros de Michael Connelly, embora goste muito do autor.

Essa é a única critica que sinto que devo fazer a “Feche bem os olhos”. De resto o livro cumpre muito bem sua função e não decepciona de forma alguma. A aposta de John Verdon em um detetive normal, cercado de pessoas normais, envolvido em um crime absurdo repleto de pistas que não fazem o menor sentido, e que dessa vez revelam uma trama perversa em vários níveis, funcionou muito bem. Não tenho duvidas de que o terceiro livro do autor fará parte da minha biblioteca.

Título: Feche bem os olhos
Autor: John Verdon
Nº de páginas: 424
Editora: Arqueiro

35 comentários:

Nardonio disse...

É tão bom quando um autor que faz sucesso logo no primeiro livro, escreve o segundo e consegue manter ou até superar o sucesso do primeiro, não é?!?!
Eu já sou fã do gênero, e você escrevendo uma resenha dessa, só me faz deixar mais curioso pra ler esse livro o mais rápido possível.

Seguidor: DomDom Almeida
@_Dom_Dom

Sabrina Mazzoni disse...

Apesar de um livro ser bom nunca é perfeito. Sempre tem alguma coisinha que, gostaríamos que fosse diferente. Mas como nada é perfeito, achei o trama muito interessante.

Cris Aragão disse...

Esse livro está na minha lista de desejados já faz um tempão, adoro o gênero mas às vezes vejo tramas muito óbvias e isso me irrita bastante. Achei a trama desse livro bem interessante, mas o excesso de referêmcias ao livro anterior é um ponto contra.

Andressa Nunes disse...

Ouvi comentários muito bons sobre esse livro e o resumo feito na resenha aumentou ainda mais minhas expectativas

Milena Soares disse...

Gosto muito desse gênero suspense policial e pela resenha esse parece ser ótimo, fiquei super interessada em ler!

Mariana Maciel disse...

Ainda não li o primeiro mas essa série está me interessando bastante! Sou apaixonada por suspenses policiais e adoro me envolver com os mistérios e as tramas das histórias

Unknown disse...

Ainda não li Eu sei o que vc está pensando... mas está na minha lista há muito tempo! Agora mais do que nunca quero ler todos! Ao ler a resenha fiquei super ansiosa para participar da promoção!

Rejane Lenz
rejanelenz@gmail.com

Suzi disse...

Tenho muita curiosidade de ler esse livro mas ainda não tive oportunidade...Li eu sei o que vc esta pensando e gostei demais da escrita de Verdon que construiu perfeitamente o ambiente de mistério...ansiosa pra let e me envolver em mais um caso de David Gurney!!
Bjus

beth disse...

Muito bom esse também. Pelo que vi, não fica nada a dever ao primeiro livro do autor. Ação do princípio ao fim. Amei.

Maristela G Rezende disse...

Quero muito ler esse livro e ele se encontra em minha lista de desejados desde o seu lançamento. Sua resenha está maravilhosa.

Thaysa Rocha disse...

Suspenses policiais são meus queridinhos! <3

Renata Lopes disse...

Gostei bastante da historia do livro achei bem interessante, Ainda não tinha lido nada sobre ele vendo a resenha agora me parece ser bom quero ler e tirar minhas conclusões, Ficou ótima resenha. =)

matheus aguiar disse...

Gostei da resenha... O livro deve ser muito bom! Quero!

Amanda Z. Dutra disse...

Adorei sua resenha *-* Quero muito ler (e é suspense policial!!!!!!!) nem dá pra perder :P
Valeu a dica

Beijo

Cibele Santos disse...

Amei a sua resenha, e que otimo autor é John Verdon, seus livros são impressionantes, desde que eu vi o suspense policial: Feche bem os olhos, fiquei louca para ler todos da série, e fui em busca do primeiro:Eu sei o que você está pensando, e fiquei louca para ler também, acredito que seja um suspense legitimo que reúne quebra-cabeças e enigmas que deixa o leitor de cabelos em pé para decifrá-los, amo livros de suspense policiais, não vejo a hora de ler a série...
:D

Mylena Soares disse...

Não precisava nem da resenha pra saber que o livro é bom!
Preciso desse livro já..e a resenha foi muitíssimo boa.

Shadai disse...

Que bom que você alertou do defeito desse livro ser as muitas menções ao livro/caso anterior, assim mesmo eu tendo gostado mais da premissa desse por ter um crime muito chocante, não vou poder lê-lo antes de ler o primeiro.

Tainara H. disse...

Se John Verdon é um nome para constar na biblioteca dos fãs de suspense policial, então certamente não pode faltar na minha estante, já que sou muito fã do gênero. Só leio elogios a respeito do autor e tenho muito interesse em ler seus três livros, porém ainda não consegui. Gostei muito da história de "Feche Bem os Olhos" e não vejo o que você citou como um defeito, nunca reparei muito nisso nos livros do Connelly mas não me incomoda, tanto que ele é um dos meus autores preferidos (ou o preferido, mesmo). Enfim, gostei dessa pequena comparação entre os dois e sei que assim que eu ler Verdon me tornarei fã. Ótima resenha! ;D

Aline Coelho disse...

Parabéns pela resenha, ela ficou ótima; eu já estava com vontade de ler esse livro antes agora estou ansiosa \o/ ainda não li nada desse autor, mas estou completamente convencida que ele é um ótimo investimento. Adoro livros nesse estilo. Valeu pelo incentivo.

Leituras, vida e paixões!!!

Eykler Simone da Mota Daniel disse...

Depois qeu li Eu Sei o que Você está pensando, eu logo quis saber se John Verdon tinha outros livros, e para minha surpresa, era o primeiro liro dele. Então comecei a esperar para ver se o autor daria continuidade ao personagem. Quando Feche Bem os Olhos foi lançado, literalmente eu corri para comprá-lo. Apesar de gostar muito do genero policial, e geralmente descobrir a trama antes, nesse eu descobri, ou tive certeza, so junto com o final. E adorei esperar o liro inteiro pra descobrir. Resenha maravilhosa a sua. Desperta em quem não leu a vontade de pegar o livro e conferir tudo, e em quem ja leu... dá vontade de reler. Bjoks
Eykler

www.aghridoce.blogspot.com.br

Michelli Santos Prado disse...

Olá Mari!! Parabéns pela resenha!!Gostei muito da descrição do livro
estou muito interessada a ler o livro,eu me amarro em mistério. E esta capa é linda demais!!
Bjuss

Pamella Moura disse...

Uma resenha dessa, quem não se interessa?! haha
Adorei a história do livro, e apesar de não ter lido nada do autor, fiquei bastante animada!

Gislayne Perez disse...

A trama do livro é bem interessante...
Gostei muito da resenha...

Adm disse...

Quero muito ler!

Tâmara Moya disse...

Esse livro é a sequência e é bom saber que nesse caso os livros, apesar de terem algum diálogo entre si, funcionam de forma independente, como a maioria dos policiais.
Acredito que a trama de Feche bem os olhos complexa e vai além do jardineiro.. E de qualquer imaginação que possamos ter inicialmente. O autor parece conseguir amarrar bem a história e cria aquela expectativa no leitor a cada virada de página. Gosto da escrita de John Verdon e quero muito ler!
Bjus

João Vitor Maia disse...

Com muita vontade de ler os livros desse escritor, as sinopse são excelentes, ótima resenha.

Willian disse...

Li bons comentários sobre esse livro e depois dessa bela resenha resumindo de forma simples o conteúdo, minhas expectativas aumentaram.

Larissa Lins disse...

aaaaaaaamei essa resenha, eu amei o livro

Meiriellen Nascimento disse...

Adorei a resenha, são excelentes os livros

Victor Lacerda    disse...

Acho a capa desse livro incrivel, muito curioso para ler :)
leitorinsaciavel.blogspot.com.br

Roberta Krutzmann disse...

Eu nunca li nenhum livro do Verdor, mas a cada resenha que leio de seus livros esta ficando cada vez mais impossível de segurar a vontade de ir em uma livraria e comprá-los, só para saciar essa vontade. Achei interessante que eu nunca havia visto ninguém comentar nada sobre a mulher de Gurney, principalmente sobre ela ser irritante, mas bom, não posso ter certeza, já que nunca li o livro, mas levando em consideração que Gurney é um detetive, ele não deve dar muita atenção para a coitada ahahaha. Enfim, não é de hoje que o autor esta na minha lista de leituras, afinal, AMO esse gênero.

Edcléia Ferreira Damasceno disse...

Já está com certeza na minha lista de livros que devo ler...:D

Lorena D'Andrade disse...

Meu irmão leu o primeiro livro e super me indicou. Li algumas resenhas e gostei bastante das histórias. Já estou louca para ler! :)

yasmin disse...

Esse livro ta minha lista de desejados há algum tempo, mas vou esperar um pouco pra le-lo

Gabriela C. disse...

Pela resenha, o livro parece ser bom demais. John Verdon neh, não tem erro.
É meu estilo de livro favorito, e com certeza esse não vai me decepcionar.
E achei a capa perfeita! ^^

Postar um comentário

 

Além da Contracapa Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger