domingo, 23 de outubro de 2016

RESENHA: Os Sete

“Nunca tivera medo do sobrenatural. O que realmente temia era a maldade. O ferro, a pólvora, um revólver. Aquilo, sim, ele tinha certeza que matava.” (VIANCO, 2016, p. 293).

***

André Vianco é um dos precursores da literatura fantástica nacional e a popularidade dos seus livros despertava minha curiosidade há anos. Quando a editora Aleph anunciou que relançaria suas obras, não tive dúvidas de que havia chegado a hora de conhecer o tão elogiado Os Sete.  

Thiago e César encontram uma caravela portuguesa naufragada na costa de Amarração, uma pequena cidade litorânea no Rio Grande do Sul. A descoberta dos amigos logo atrai a atenção de pesquisadores de uma universidade de Porto Alegre, que resgatam o navio do fundo mar. Além da embarcação, também encontraram um caixa de prata que continha sete cadáveres. A situação parece sob controle até que um deles começa a se regenerar até voltar a vida. 

O primeiro fator que me chamou atenção foi como Vianco conseguiu se apropriar da mitologia vampiresca, adicionado seu toque pessoal e trazendo elementos novos para uma temática que hoje já se encontra batida. Outro aspecto interessante foi ver o estranhamento dos vampiros, aprisionados por quase quinhentos anos no fundo do mar, a um mundo moderno e tão diferente daquele que conheciam. 

Apesar dos elementos sobrenaturais, Os Sete é um livro de aventura e suspense, não contando com a tensão típica dos livros de terror. A obra atinge seu ápice quando o primeiro vampiro retorna a vida e tem início a caçada para tentar capturá-lo, momento em que começamos a descobrir os poderes de cada um deles e partes de suas estórias. O desfecho é empolgante, contando com inúmeras reviravoltas e adrenalina de sobra. Contudo, o final deixa muitas perguntas sem respostas e um gancho gigantesco para o próximo livro, Sétimo, o que me frustrou um pouco. 

A narrativa, em terceira pessoa, é envolvente e imerge o leitor na trama. Entretanto, em alguns momentos o texto se torna descritivo demais e falha em obedecer ao princípio “show, don’t tell” (mostre, não diga). Alguns diálogos também causaram certa estranheza, já que o autor reproduziu um discurso extremamente informal, que dificilmente é visto na literatura. 

Os Sete é o segundo livro de Vianco e fica claro que ele ainda estava em um processo de amadurecimento. Há deslizes — tanto na trama, quanto na construção dos personagens e no uso de clichês  que indicam que o autor não conseguiu alcançar a verossimilhança desejada, mas que ainda assim são perdoáveis. Porém, alguns desses deslizes foram um pouco mais difíceis de engolir e comprometeram certos aspectos da trama, inclusive, dificultando meu envolvimento com a estória. 

Os Sete certamente demonstra o talento, potencial e criatividade do autor, mas estaria mentindo se não admitisse que esperava uma leitura mais impactante. Sem dúvidas pretendo ler outros livros do autor, mas não tenho certeza se Os Sete foi motivação suficiente para ler o restante da série. 

Sétimo será relançado pela editora Aleph em novembro. 

Título: Os Sete (exemplar cedido pela editora)
Autor: André Vianco
N.º de páginas: 429
Editora: Aleph

22 comentários:

Bruno Marukesu disse...

Oi Alê ^^
Já li do autor O Vampiro-Rei e como você compartilhei do sentimento de estranhamento na leitura. Acredito que seja uma característica do autor para torná-lo atípico na literatura nacional.
Os Sete tenho muita vontade de ler pois sinto que li spoilers da trama na época em que li O Vampiro-Rei. O enredo me causa interessante desde que adentrei o mundo da leitura e isso faz mais de 10 anos!
Essa edição da Aleph está linda demais! Fiquei bastante feliz em saber que a editora está relançando os livros do autor, mas confesso estar decepcionado em saber que não houve uma nova readaptação da escrita e as falhas que já faziam parte da obra; :(
Parabéns pela escrita e muito obrigado pela sua sinceridade.
Abraços.

https://peregrinodanoite.blogspot.com.br/

Marília Leocádio disse...

Olá!!
Para ser sincera achei que o livro era bem fraco nas primeiras impressões, nem sabia do tema abordado mas agora acredito que o livro possa a ser bom, não li nenhuma obra do autor para falar aqui se realmente eu possa ler varias obras, mas um livro envolvendo vampiros eu já amo desde já.
Até mais!!

Vanessa Sueroz disse...

Oie,
nossa li este livro faz algum tempo, acho que alguns anos para falar a verdade.
Muito bom a série inteira.
Adorei

bjos
Blog Vanessa Sueroz
Sorteio Um ano Inesquecível

Priih disse...

Oi Alê, tudo bem?
Eu já tive vontade de ler André Vianco (na época do boom dos vampiros), mas hoje em dia não sinto tanta curiosidade. Mas a edição da Aleph está lindona!
Beijos,

Priscilla
Infinitas Vidas

Gabriela CZ disse...

Confesso que só tomei conhecimento sobre Os Sete quando soube que a Aleph o relançaria, Alê. Fico curiosa por trazer um tema pouco abordado na literatura nacional, e mesmo com os aspectos negativos que você apontou (que são coisas que também costumam me incomodar) acho que conferiria por essa peculiaridade. Ótima resenha.

Beijos!

Cristiane Dornelas disse...

Confesso que essa coisa de vampiro já não me chama muita atenção. Mas achei legal pelo jeito um tanto diferente desse e também por ter aventura e suspense de sobra. A narrativa também parece ser boa, então não deve ficar chato de ler. Talvez fosse uma leitura bem interessante. Vejo tanta coisa legal do autor...Queria ler algo dele algum dia.

Ariane Reis. disse...

Oie Alê =)

Nunca li nada do André Vianco (shame). Tem até uma história dele que se passa aqui em Sorocaba, mas não sei se foi por falta de oportunidade ou de curiosidade mesmo, porém nunca um livro dele chegou em minhas mãos.

Quem sabe não seja esse o momento de dar um chance e conhecer outro autor nacional talentoso? Mas baseado nos pontos que você citou, acho melhor começar por outro livro.

Ótima resenha ^^

Beijos;***

Ane Reis.
mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
@mydearlibrary

O Que Tem Na Nossa Estante disse...

Oi Alê, tudo bem?

Eu li Os sete há muitos anos e senti o mesmo que vc. A premissa é muito bacana, mas teve personagens sem muito desenvolvimento, alguns apareciam só pra morrer rsrsrsrs mas ainda assim gostei mais deste que Sétimo.

Bjs, Mi

O que tem na nossa estante

Luiza Helena Vieira disse...

Oi, Alê!
Nunca li nada do Vianco, mas pretendo mudar isso um dia.
A premissa desse livro me lembrou bastante um livro nacional de vampiro também que li quando criança.
Beijos
Balaio de Babados
Participe do sorteio Halloween Literário

Adriana Holanda Tavares disse...

Comprei este livro faz um mes mas ainda não tive tempo de parar para lê-lo estava meio relutante por ser história de vampiro “de novo” mas só pelo fato de ser um autor brasileiro e a história se passar no Brasil mereceu minha atenção.Assim que conseguir vou começar a lê-lo pela tua resenha acho que vou gostar. Bjks

Márcia Saltão disse...

Olá!
Ótima resenha! Não conheço a escrita do autor, portanto não posso dar minha opinião sobre o livro. Achei a premissa bem interessante, talvez um dia venha a ler e tirar minhas próprias conclusões.
Obrigada por sua opinião sincera.
Beijos.

RUDYNALVA disse...

Alê!
Não li esse livro ainda dele, mas já li dois outros e gostei muito.
Por amar vampiros e um bom suspense, mesmo com todas suas ressalvas (bem válidas), gostaria de ler e acompanhar esse 'renascimento' dos vampiros e seus podere.s
“O segredo da sabedoria, do poder e do conhecimento é a humildade.” (Ernest Hemingway)
cheirinhos
Rudy
http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

Eduarda Rozemberg disse...

Tenho visto muitos comentários positivos a respeito dessa obra e tenho certeza que ela é realmente boa. Eu adoro vampiros e tem tempo que não leio algo realmente bom desse tema, acho que essa seria uma boa oportunidade. O melhor é que é narrado em terceira pessoa, minha narração preferida.
Um abraço!

http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

Teca Machado disse...

Oi, Alê!
Não li nada do André Vianco ainda, mas sempre escuto falar de Os Sete.
Achei que era bem mais terror, já que é o gênero dele, por isso nunca tinha me interessado muito.
Mas pelo que você disse das suas impressões e da sinopse, fiquei super interessada.
Adoro essa pegada de suspense (não terror o.O).

Beijooos

www.casosacasoselivros.com

Ana Luiza Lopes disse...

Oi Alê tudo bem?
Eu vi esse livro em um clube do livro aqui em BH, mas confesso que a temática vampiros não tem chamado tanto a minha atenção assim... É bom saber que o autor está evoluindo sua escrita, quem sabe o próximo livro seja melhor, não é mesmo?
Adorei a resenha!

Beijos,
Ana | Blog Entre Páginas
www.entrepaginas.com.br

Elidiane Ferreira disse...

Oi, Alê!
Nunca li nada do autor, apesar da história parecer envolvente, é muito quando esperamos mais de uma leitura. Espero que os próximos livros da série sejam melhores!
Parabéns pela resenha!

Beijos,
Eli - Blog Leitura Entre Amigas
http://www.leituraentreamigas.com.br/

Stephany Santim disse...

Nunca li nada do André Vianco mas essa resenha ganhou meu coração! Já está na minha wishlist! Espero que o próximo livro melhore!

Carolina Garcia disse...

Oi, Alê!!!

Também tenho muita curiosidade sobre os livros do André Vianco pelo sucesso que alcançou com a série Os Sete. Adorei a nova capa da Aleph e com certeza vou comprar - espero achar um preço bom na Black Friday!
Só fico um pouco mais desanimada ao saber desses erros. Acredito, como disse acima, que o autor estava no processo de amadurecimento e por isso é mais fácil relevar.
Estou com outro livro dele aqui em casa já. Publicado pela Rocco. Estou bem animada para a leitura. Espero que seja melhor!! :D

Bjs

http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br

Tô pensando em Ler disse...

Já estou com o meu aqui e lerei em breve.
Anotei os pontos positivos e negativos que você citou. Vou prestar atenção neles e ver o que eu acho disso tudo pra bater nossas opiniões.

Adorei a resenha!

Bjks

Lelê

Fernanda Mendonça disse...

Oi!! Eu comecei a ler as coisas do Vianco graças à uma indicação de alguém numa livravria uma vez e essefoi o primeiro livro dele que eu li. Eu concordo com os deslizes e tal, mas eu acho que ele conseguiu desenvolver uma boa trama. Eu gostei bastante desse livro. Achei beeeem melhor do que os livros do Turno da Noite, por exemplo. Aí ele se perdeu e deu uma viajada e ficou BEM ruim hahahaha

Ana I. J. Mercury disse...

Sou LOUCA para ler esse livro!!!
E com essa nova capa e linda, fiquei mais encantada!
Sempre quis ler esse livro, porém, ainda não pude adquirir o meu =(
Amei a história e as resenhas que li, e como já li um livro do Vianco e curti muito sua escrita, estou ansiosa para ler mais dele.
bjss

Bia Gonçalves disse...

Oi Alê! Apesar de ser um autor conhecido, ainda não li nada dele rsrs. Sou louca para ler, preciso conhecer sua escrita urgente.
Adorei a dica.
Beijos
http://lua-literaria.blogspot.com.br/

Postar um comentário

 

Além da Contracapa Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger