domingo, 25 de dezembro de 2016

Especial de Fim de Ano - Parte 1.1

Em 2016, o nosso tradicional Especial de Fim de Ano ganhará um formato diferente. Por razões externas a nossa vontade, não conseguimos gravar os vídeos a tempo de os posts irem ao ar nesta época, mas também não quisemos deixar que o especial se perdesse. Por isso, dessa vez, as duas primeiras partes serão feitas na forma de post escrito e a última na forma de vídeo.

Para quem ainda não conhecesse os nossos especiais, uma breve explicação: na primeira parte comentaremos como foram as leituras dos livros que, no especial de 2015, elegemos como as nossas maiores expectativas para 2016. Na segunda, vocês saberão quais foram as nossas melhores leituras desse ano. Por fim, vamos contar para vocês quais os livros que mais estamos desejando para 2017. 


Especial de Fim de Ano Parte 1.1: Comentando os mais desejados de 2016 - Lista da Mari

Já falei várias vezes que considero Raymond Chandler um autor genial. Por isso, não admira o meu interesse em sua biografia. A leitura teve altos e baixos. Os primeiros capítulos são dedicados à infância, juventude e ao início da vida adulta de Chandler e nos ajudam a compreender a sua personalidade e muito do que influenciou a criação do detetive Philip Marlowe, mas não empolgam tanto. Ainda assim são importantes para que possamos compreender como a carreira do autor teve início, momento a partir do qual o livro realmente se torna interessante, já que Williams analisa obra por obra de Chandler e o contexto em que foram escritas, destacando trechos, revelando as intenções e frustrações do autor por trás delas. É por isso que não vejo sentido na leitura para quem está pouco familiarizado com a obra da Raymond Chandler, mas para quem gosta do autor é uma ótima biografia, pois nos permite conhecer o homem e sua relação com sua própria obra.

Gostei muito do estilo de Schlink quando li “Mentiras de Verão” e fiquei ansiosa para conferir um romance do autor, já que o livro que me apresentou a ele era composto de contos. Fugi do famoso “O Leitor” (que também pretendo ler) e escolhi “O Outro”, a história de um homem que após a morte da esposa descobre que ela teve um caso com outro. O que me atraiu no livro foram os questionamentos que esse marido se faria após a descoberta e como isso influenciaria sua percepção do seu próprio relacionamento, mas ao ler o livro descobri que a abordagem de Schilink era ligeiramente diferente do que eu imaginava. Por ser um livro curto, li em poucas horas e terminei com aquela sensação de: “Já acabou?”. Precisei ficar burilando para ver que nada havia ficado de fora e que Schilink havia contado com habilidade a história que se propusera a contar, ela apenas tinha um enfoque diferente do que eu esperava. Não me desagradou, mas também não me cativou como eu esperava.

Um dos livros mais controversos que já vi pela blogosfera. Uns amam, uns odeiam. Por isso uma das minhas expectativas era saber para qual time eu penderia. Eis que eu gostei! “Morte Súbita” não tem uma história fechada e pode sim decepcionar aqueles que acreditam ter em mãos uma história sobre uma morte e suas consequências. É isso sim, mas também é muito mais do que isso. Um elenco enorme de personagens se ramifica em diversas histórias (umas mais importantes, outras menos) e todos são habilmente construídos pela genial J.K. Rowling. Se o leitor souber apreciar isso, ou seja, o quanto esses personagens sãos reais e o quanto a trama transcorre organicamente, ele verá que “Morte Súbita” tem muitos méritos.


2° lugar: Lolita (Vladimir Nabokov)
“Lo-li-ta”. Um daqueles livros de quem todos já ouviram falar e que dispensa apresentações. Eu achei fascinante em alguns momentos, mas também um pouco enfadonho em outros. A primeira parte é intensa e em muitos momentos quase esquecemos que Lolita tem apenas 12 anos, pois o narrador e protagonista nos leva a conhecer o objeto de sua paixão, desejo e obsessão através dos seus olhos. Já na segunda parte, quando as coisas vão além dos delírios de Humbert Humbert e passam de fato a acontecer, achei que a história se tornou um pouco monótona (talvez querendo dizer que a realidade nunca é tão boa quanto a nossa imaginação?) porque os mesmos elementos que tornavam a narrativa tão interessante antes parecem frear o desenrolar dos acontecimentos (que não são muitos) nessa segunda parte. Então, com altos e baixos, “Lolita” não me arrebatou como eu esperava, mas é sem dúvida um livro que merece ser lido.

É impossível não estar com as expectativas em alta ao ler o livro mais importante de um autor com o qual você só teve experiências positivas. Isso pode ser um tombo muitas vezes, mas não foi com “A Visita Cruel do Tempo”. Eu gostei muito da leitura e fiquei pasma com a habilidade de Egan de encontrar o equilíbrio entre o profundo e o raso em tantas histórias e em tão poucas páginas. A estrutura do livro é genial (milhares de arcos narrativos, envolvendo milhares de personagens, em uma linha temporal que é tudo menos uma linha), mas me privou de um sentimento de conclusão ao fim da leitura, aquele mesmo sentimento que nos faz dizer: “Amei esse livro”, simplesmente porque não senti que aquelas histórias tiveram fim. Ainda assim, reconheço que essa era a intenção da autora já que não se trata da história de uns e outros personagens e sim do tempo e seus efeitos naquelas vidas. Um livro que só lendo para entender e que merece muito a leitura.

19 comentários:

Thayná Alves disse...

Olá!
Já conhecia alguns mas nunca li nenhum desses livros. Tentarei mudar isso em 2017
Beijos!
http://focadasnoslivros.blogspot.com.br/

Beatriz disse...

Oi, Mari! O meu "Morte Súbita" está agora oficialmente há QUATRO anos esperando para ser lido e eu ainda não tive coragem de começá-lo justamente por causa dessas opiniões controversas. Pelo menos, agora é mais uma positiva!
Gostei de saber que Lolita é um pouco chato em alguns momentos, pois é um livro que eu pretendo ler em algum momento da minha vida. Estou à espera da parte 2! Beijinhos, Beatriz.

O Diário de uma Escritora Iniciante

Luiza Helena Vieira disse...

Oi, Mari!
Não li nenhum desses livros. Eu cheguei a ver o piloto da série de Morte Súbita, mas não foi pra frente. Achei chato.
Beijos
Balaio de Babados
Participe do Natal Literário
Participe da promoção de três anos de Um Oceano de Histórias
Participe do Sorteio de Final de Ano

Sávio França disse...

Oi, Mari, tudo bem?
Antigamente, eu tinha muita vontade de ler "Morte Súbita", mas percebi que muita gente não curtiu a obra. Depois de ler muitas críticas ruins, decidi passar a leitura. Talvez eu leia um dia. Talvez.
"Lolita" é um clássico que quero ler há muito tempo. Espero conseguir ler em 2017.

Abraço e boas festas!
Tudo Online

Day Morais instagram: lendo1bomlivro disse...

Oi Mari, adorei o especial de fim de ano!
Eu já tentei ler Lolita, mas abandonei duas vezes... Não conseguiu me prender mas quem sabe mais pra frente eu tento novamente... Beijos!!

www.lendo1bomlivro.com.br
@lendo1bomlivro

Alice Martins disse...

Olá Mari, tudo bem?

Não li nenhum dos livros citados, mas tenho muita vontade de ler Morte Súbita. Já vi algumas pessoas o considerando o melhor livro da J.K. Rowling, então sou bastante curiosa com a obra. Saber que você gostou me deixou com mais expectativas ainda!

Beijos,

Gnoma Leitora

Sil disse...

Olá, Mari.
É tão ruim criar expectativas para uma leitura, mas quem consegue não criar? hehe. Desses todos só li Morte Súbita e fiquei no time dos que amaram e odiaram ao mesmo tempo. Achei a primeira metade do livro muito enfadonha, mas na segunda metade eu li de uma vez. Não sei o que acontece da metade pra lá que não conseguia largar hehe. Lolita eu comecei a ler mas resolvi parar porque achei que não era o momento certo.

Blog Prefácio

Priih disse...

Oi Mari, tudo bem?
Tenho Morte Súbita, mas ainda não tive coragem de encará-lo. As inúmeras críticas sempre me deixam receosa.
Beijos,

Priscilla
http://infinitasvidas.wordpress.com

Nessa disse...

Oi Mari
Conheço estes livros mas não li nenhum deles. Gostei de saber sua opinião, e até fiquei interessada. Tenho vontade de ler este A vista cruel do tempo.
Adorei o especial de fim de ano e vou aguardar os outros posts.

Beijinhos
http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

RUDYNALVA disse...

Mari!
Imagino o quanto o final do ano está corrido, acredito que para todos nós.
E ainda assim, 2016 não acaba, né?kkkkkk
Escolheu livros bem polêmicos no mundo literário e o bom é que gostou de todos, apesar de várias opiniões opostas.
“Não pedi coisas demais para não confundir Deus que à meia-noite de ano novo está tão ocupado.” (Clarice Lispector)
FELIZ 2017!
cheirinhos
Rudy
http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

Patricia Martins Bueno disse...

Olá! Você me deixou curiosa sobre Morte Súbita! kkkkk Comprei o livro há muito tempo, mas devido à comentários negativos nunca li, agora já quero! hahaha Vamos ver de qual grupo faço parte!
Beijo!
http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

O Que Tem Na Nossa Estante disse...

Oi Mari, tudo bem?

Eu não li nenhum da lista ainda, mas quero em 2017 ler Morte Súbita e saber de qual lado ficarei daqueles que gostou do daqueles que odiou rsrsrsrs

Bjs, Mi

O que tem na nossa estante

Naiara Fidelis Da Silva disse...

Adorei o post.

O Morte Súbita eu tenho na estante faz algum tempo, mais ainda não tive coragem para ler, pois não sei se irei gostar.

Lolita é um livro que pretendo muito poder adquirir em 2017, pois estou com vontade de ler faz muito tempo.

Loysla Lara disse...

Olá, tudo bem?
Não conhecia alguns do livro, e outros conheci no seu blog! Adicionei Lolita e a Visita Cruel do Tempo na minha listinha!
Beijos,
https://teattimee.blogspot.com.br/

Caverna Literária disse...

Não li nenhum desses, mas realmente Morte Súbita provoca opiniões bem controversas.
Respondendo o seu comentário, eu só descobri que Placebo Junkies era série pelo skoob. Acho que é super válido solicitar, sim! Eu to looooooouca pra ler esse livro. Ainda não encontrei nem uma resenha sobre ele! Solicita e depois me empresta! Hahahaha ♥

xx Carol
http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

Gabriela CZ disse...

Apesar de ter lido as resenhas que fez de todos esses livros em ver esse enfoque na questão de como corresponderam às suas expectativas, Mari. Desses só li Morte Súbita, e confesso que no momento tive a sensação de não ter gostado. Mas quanto mais refletia/reflito sobre seus me pergunto porque tive essa sensação se só consigo enfatizar os pontos bons. Penso em reler logo. E quero muito ler Lolita e A Visita Cruel do Tempo. Ótimo post.

Beijos!
Portal Andar de Cima

Desbravador de Mundos disse...

Olá, Mari. Tudo bem?
Lolita é um livro que eu preciso conferir. Eu adoro clássicos e esse está na minha lista faz tempo, mas sempre acontece algo e ele fica de lado.
A Visita Cruel do Tempo é outra obra que pretendo ler, de preferência em 2017.
Ótima postagem.

Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de dezembro. Serão dois vencedores, dividindo 3 livros.

Luciana Campos disse...

Oi, Mari!
Adoro retrospectivas ^^
Dessa sua lista não li nenhum, e o único que possuo é Morte Súbita, que ainda não li pelos mesmos motivos que você citou: o não saber se vai amar ou odiar esse livro! Adoro a J.K. em HP, e claro que comprei o livro mais por ela do que pela história em si, então estou esperando baixar minhas expectativas antes de começar a leitura, pra ver se assim rende mais.

Ana I. J. Mercury disse...

Desses não fiquei com vontade de ler nenhum, não, é que realmente não são meu estilo.
Mas já li Morte Súbita e achei muitíssimo bem escrito, apesar daquela história tãooooo bombástica, que me deixou com lágrimas nos olhos ao chegar à última página!
bjs

Postar um comentário

 

Além da Contracapa Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger